Os museus de Paris

MUSEUS DE PARIS Paris tem cerca de 110 museus: os nacionais, como o Louvre e o Orsay, os da cidade de Paris, como Carnavalet e…

MUSEUS DE PARIS
Paris tem cerca de 110 museus: os nacionais, como o Louvre e o Orsay, os da cidade de Paris, como Carnavalet e o Petit Palais, e os museus privados como o Jacquemart-André e a Fundação Louis Vuitton. Com esse número de museus, já dá para imaginar a variedade que tem. Tem museu de arte, de história, antropologia, geologia, ciência, decoração, moda, arquitetura, design e até de perfume.

Mas é claro que para quem vai para Paris pela primeira vez, existem algumas opções mais óbvias. São elas: Louvre, D’Orsay e Pompidou. Se for sua primeira vez e você tiver pouco tempo na capital francesa, recomendo que você visite esses três principais.

Entretanto, é importante conhecer as opções disponíveis. Vai que tem um tema ou um artista que você gosta muito com exposição na capital francesa? Por isso, veja abaixo os principais museus de Paris.

LEIA TAMBÉM: Como é Paris? Conheça os bairros de Paris e a organização da cidade

Museu do Louvre

O que fazer em Paris quando chove

O Louvre é o museu mais famoso na França e no mundo. O acervo é gigantesco e contém relíquias desde o Egito Antigo (2800 AC) até objetos e obras de arte do século 19, incluindo algumas das pinturas europeias mais famosas do mundo como La Gioconda (Monalisa) e A Liberdade Guiando o Povo. Esculturas medievais, obras renascentistas e antiguidades gregas, etrustas, romanas, orientais, artes do Islã e o suntuoso apartamento de Napoleão Bonaparte III também fazem parte do acervo. Você precisaria de uns quatro dias para conhecer o museu de cabo a rabo, afinal são mais de 70 mil metros quadrados, divididos em três alas e 403 salas que, juntas, abrigam cerca de 38 mil peças.

Pode ser um pouco desesperador saber que tem tanta coisa legal para ver. Mas recomendo que, para a sua primeira vez no museu, você faça uma pré seleção do que quer ver. No site do Louvre você tem acesso à uma seleção das obras-primas expostas. Outra opção interessante, e para mim a que mais vale a pena, é reservar uma visita guiada. Dessa maneira vai ser menos cansativo, afinal, você só deve seguir o guia. Além disso, você vai aprender muito mais sobre o museu, e as obras ganham um significado ainda mais especial uma vez que você conhece a história por trás delas. AGENDE A SUA VISITA AQUI.

Aberto todos os dias, exceto às terças, das 09h às 18h. Nos dias 24 e 31 de dezembro o museu fecha às 17h.

Museu de Orsay

O Museu de Orsay fica em uma antiga estação de trem construída em 1900. Colado às margens do Rio Sena, e bem na frente do Jardim das Tulherias, o Museu de Orsay abriga uma coleção maravilhosa de obras ocidentais realizadas entre 1848 e 1914. O acervo de pinturas impressionistas é fascinante. Nos corredores da antiga estação ferroviária, você encontra alguns dos quadros mais famosos de Manet, Monet, Cézanne, Renoir e até Van Gogh — que apesar de não se encaixar no perfil dos impressionistas, se inspirou muito no universo do impressionismo e pontilhismo. RESERVE A SUA VISITA AQUI.

Aberto às terças, quartas, sextas, sábados e domingos das 09h30 às 18h e às quintas das 09h30 às 21h45. Fechado nas segundas, 1 de maio e 25 de dezembro.

Centro Georges Pompidou

Pompidou

O Centro Georges Pompidou foi inaugurado em 1977 e é um dos símbolos da arquitetura do século 20. Sua construção causou muito polêmica, pois a sua estrutura lembra muito uma refinaria de petróleo. É um prédio moderno de vidro com vários canos externos coloridos. Sua estrutura contrasta muito com os prédios típicos parisienses ao seu redor. O museu do Centro Georges Pompidou tem uma vasta coleção de obras dos séculos 20 e 21. Se você curte arte moderna e contemporânea, esse museu é para você. No acervo você encontra obras de Kandinsky, Matisse e instalações diferentonas e divertidas. Para completar a visita, suba no último andar do museu e saia no terraço para ter uma vista deslumbrante de Paris com a Torre Eiffel de um lado e a Sacré Cœur do outro. A paisagem fica ainda mais linda no pôr do sol, então tente ir no final do dia. RESERVE A SUA VISITA AQUI.

Aberto todos os dias, exceto às terças, das 11h às 20h. Fechado no dia 1 de maio.

Aproveite e assista abaixo o nosso vídeo com dicas de passeio no Marais:

LEIA TAMBÉM: Os melhores passeios para fazer no Haut Marais

Museus de Paris
Museu Marmottan Monet

O Museu Marmottan Monet fica em um palacete pertinho do Bois de Boulogne, um dos maiores parques de Paris. A mansão era um antigo pavilhão de caça, mas em 1882, foi comprada por Jules Mamottan. O proprietário colecionava obras de arte como pinturas e tapeçarias de diferentes épocas e culturas. O acervo inclui objetos de arte, pinturas do Primeiro Império, quadros renascentistas, góticos e impressionistas. Inclusive, o Museu Marmottan tem uma das maiores coleções de Claude Monet, incluindo a tela Impressão, Nascer do Sol, uma das pinturas percursoras do movimento impressionista. RESERVE A SUA VISITA AQUI.

Aberto de terça a domingo das 10h às 18h e às quintas das 10h às 20h. Fechado no dia 25 de dezembro, 1 de janeiro de 1 de maio.

Museu de l’Armée

O Museu de l’Armée apresenta a história militar da França desde a idade média, passando por todas as guerras na qual o país esteve envolvido. Na exposição você vê as armas utilizadas nas batalhas, uniformes, canhões e outros equipamentos. O museu fica nos Les Invalides, onde também se encontra a sepultura de Napoleão e seu cavalo branco, Vizir, empalhado. RESERVE A SUA VISITA AQUI.

Aberto todos os dias das 10h às 18h. Fechado nos dias 1 de janeiro, 1 de maio e 25 de dezembro.

Museu de l’Orangerie

O Museu de l’Orangerie fica dentro do Jardim das Tulherias. Seu acervo contém obras impressionistas e pós-impressionistas. Na visita o  grande destaque é a coleção de telas de Claude Monet, as Nenúfares (Les Nymphéas, em francês). Os oito quadros são apresentados em duas salas ovais, proporcionando uma experiência de imersão em seus quadros que retratam o jardim de flores da casa de Monet, em Giverny. Você pode fazer uma visita virtual das salas aqui. Além desse conjunto de pinturas icônico, o Museu de l’Orangerie expõe 146 quadros de artistas do século 20 como Renoir, Cézanne, Gauguin, Picasso, Matisse, Modigliani e muitos outros. RESERVE A SUA VISITA AQUI.

Aberto todos os dias das 09h às 18h, exceto às terças-feiras, 1 de maio, 14 de julho de manhã e 25 de dezembro.

LEIA TAMBÉM: 8 bate-voltas a partir de Paris para fazer de trem

Museu Rodin

O Museu Rodin, inaugurado em 1919, expõe obras do escultor e da sua amiga/amante Camille Claudel. Algumas pinturas e esculturas da coleção privada de Rodin também fazem parte do acervo. As obras estão expostas dentro do Hôtel Biron e em seu jardin de 3 hectares preenchido por roseiras, corredores de árvores, tapetes de flores e fontes. RESERVE A SUA ESTADIA AQUI.

Aberto de terça a domingo das 10h às 18h30. Fechado no dia 1 de janeiro, 1 de maio e 25 de dezembro.

Museus de Paris
Museu Nacional Picasso-Paris

O Museu Nacional Picasso-Paris expõe mais de 5 mil obras que fizeram parte da vida do artista. Tem pinturas, esculturas, documentos, livros ilustrados por Picasso e muitas obras de artistas que inspiraram o pintor espanhol. Além do acervo riquíssimo, a mansão onde se encontra o museu é lindíssima: uma construção do século 17, bem no coração do Marais. RESERVE A SUA ESTADIA AQUI.

Aberto de terça a sexta das 10h30 às 18h e aos sábados, domingos e feriados (exceto às segundas) das 09h30 às 18h.

LEIA TAMBÉM: Passeios imperdíveis no Haut Marais

Museu do Quai Branly – Jacques Chirac

Museu Quai de Branly

O Museu do Quai Branly – Jacques Chirac é relativamente recente. Ele foi inaugurado em 2006 e concentra artesanatos, arte e objetos do dia-a-dia de civilizações antigas das Américas, África, Oceania e Ásia. O prédio tem uma fachada lindíssima coberta de plantas e é rodeado por um lindo jardim mais selvagem, que foge dos padrões cartesianos dos jardins à francesa. O último andar tem um restaurante bem gostoso, Les Ombres, que tem uma vista lindíssima para a Torre Eiffel, a poucos passos dali. RESERVE A SUA VISITA AQUI.

Aberto de terça a domingo das 10h30 às 19h (até às 22h às quintas). Fechado no dia 25 de dezembro e 1 de maio.  

Museu de Artes Decorativas

Museu de Artes Decorativas

O Museu de Artes Decorativas fica junto ao Louvre, entre o Jardim das Tulherias e o Palais Royal. O espaço reúne cerca de 150 mil objetos decorativos que testemunham a história do design, da moda, das artes decorativas, da publicidade e das artes gráficas desde a Idade Média até os tempos atuais. O museu também organiza excelente exposições temporárias, a minha preferida foi sobre a boneca Barbie, que aconteceu em 2016. Verifique a agenda do museu aqui.

Museus de Paris
Petit Palais

O Petit Palais fica em uma travessa da avenida mais famosa de Paris, a Champs-Elysées. Mesmo que você não tenha tempo de entrar no prédio, vale a pena passar na frente, porque a arquitetura dele é simplesmente maravilhosa: com uma porta gigantesca, uma grade dourada e colunas esculpidas. O Petit Palais foi construído em 1900 e abriga o museu de Belas Artes de Paris que sedia várias exposições temporárias ao longo do ano. Veja a programação aqui. Quando estiver em Paris, mesmo que a exposição em cartaz não seja do seu gosto, entre no prédio para conferir o seu lindo jardim. RESERVE A SUA VISITA AQUI.

Grand Palais

Museus de Paris: Grand Palais

O Grand Palais fica em frente ao Petit Palais, ambos foram construídos ao mesmo tempo. O espaço não tem um acervo, pois sedia apenas eventos e exposições temporárias. Confira a programação deles no site para ver o tema da exposição em cartaz no período da sua estadia em Paris. RESERVE A SUA VISITA SEM FILAS AQUI.

Fundação Louis Vuitton

Museus de Paris: Fondation Louis Vuitton

A Fondation Louis Vuitton fica no meio do Bois de Boulogne, um bosque na região oeste de Paris. O prédio é bem moderno, composto por várias camadas de paredões de vidro. O espaço, além de sediar exposições temporárias que fazem sucesso entre os parisienses, conserva a coleção particular de Bernard Arnauld, presidente e diretor executivo da LVMH, maior grupo especializado em artigos de luxo no mundo. O acervo contém obras de Andy Warhol e Jean-Michel Basquiat. RESERVE A SUA VISITA AQUI.

Museu Jacquemart André

Museus de Paris: Jacquemart André

O Museu Jacquemart André abriga a coleção privada de Edouard André e Nélie Jacquemart. O casal, ao longo dos anos, guardou pinturas, esculturas e artigos decorativos de artistas como Rembrandt,  Botticelli e Jean-Marc Nattier. No final do século 19, o acervo foi transferido para uma linda mansão na Boulevard Haussmann, onde fica o museu atualmente. RESERVE A SUA VISITA SEM FILAS AQUI.

Grande Galeria da Evolução

Museus de Paris: Galerie de l'Evolution

A Granda Galeria da Evolução fica no lindíssimo Jardin des Plantes, no Quartier Latin. Veja aqui nossas sugestões de passeios pela região. Esse gigantesco museu lembra muito o Museu de História Natural de Nova Iorque. Em um espaço de 6 mil m², você acompanha a história da evolução e da diversidade de espécies através da exposição de 7 mil animais. Esses animais foram recuperados em viagens científicas realizadas nos séculos 18 e  19 e empalhados. Hoje em dia, expedições científicas não extraem nenhum animal de seu habitat natural, apenas quando há a descoberta de uma nova espécie. RESERVE A SUA VISITA AQUI.

No Jardim das Plantas também fica a Galeria de Paleontologia Anatomia Comparada, onde são expostos 650 esqueletos, incluindo fósseis de dinossauros. O acervo contém fósseis que datam da era Paleozoica, Mesozóica e Cenozoica. É um passeio muito indicado para quem está em Paris com crianças.

Museus de Paris
Museu Carnavalet

Museus de Paris: Carnavalet

O Museu Carnavalet conta a história de Paris através de ilustrações, pinturas, maquetes e objetos que datam desde o período neolítico até os dias atuais. A exposição é uma linha do tempo que passa por todos os marcos históricos da França como a Revolução Francesa e as manifestações de 1960. É um passeio interessante para quem está batendo perna pelo Marais e quer saber mais sobre a história da capital francesa. O museu fica em dois casarões, no coração do bairro.

Tem outro museu de Paris que você recomenda ou deseja conhecer?
Conta para gente nos comentários!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *