Os parisienses sabem: o 11ème arrondissement é a melhor região para encontrar os bares de degustação de vinho com ambiente mais íntimo e local.

Difícil falar da França sem falar de vinho, queijo e pão, não é? Essa é uma área que os franceses dominam. Por isso, não é surpresa encontrar em Paris diferentes lojas de vinho que também servem como bar de degustação. Nós selecionamos os melhores da capital. Coincidência? Todos eles ficam no 11ème arrondissement – região menos turística, mais jovial e artística de Paris. É lá que você encontrará três bares gostosinhos e intimistas com vinhos de qualidade, naturais e, de quebra, acompanhamentos MARA.

Veja aqui onde encontrar os melhores vinhos em Paris:

Degustação de vinho em Paris

Jérobam

Em uma ruazinha do 11ème arrondissement você encontra 25 opções de vinhos orgânicos no cardápio selecionados entre as 350 garrafas da adega. Você pode simplesmente pagar pela taça ou escolher uma garrafa na adega e pagar 8€ a rolha. Além dos vinhos excelentes, outro diferencial do Jérobam é a gastronomia: o cardápio funciona de acordo com a estação e o tema do mês. O atum defumado ao iogurte apimentado e a salada de Annie Bertin são deliciosos e um ótimo acompanhamento para uma boa taça de vinho.

10 Rue Saint-Sébastien, 75011

Degustação de vinho em Paris

La Buvette

É nas poucas e pequenas mesas desse minúsculo bar retrô que você vai experimentar maravilhosos vinhos e cervejas artesanais. Diariamente, o estabelecimento da jovem Camille Fourmont serve uma seleção de vinhos tintos, brancos, cidras e cervejas deliciosas acompanhadas por um prato de frios, patês e um pão fresquinho bem à francesa. Uma ótima pedida para tomar o aperitivo antes do jantar. Diga qual é o tipo de vinho que você prefere e peça de acompanhamento uma boa burrata. Sem arrependimentos: nós prometemos!

67 Rue Saint-Maur, 75011

Degustação de vinho em Paris

Le P’tit Cou de la Girafe

Anexado ao restaurante vizinho, o P’tit cou de la Girafe não serve apenas como adega extra, mas também como um bar intimista onde são servidos 60 vinhos “selecionados com muita precaução e exigência”. Não modere no acompanhamento. Experimente um delicioso presunto com trufas ou um queijo parmesão envelhecido por três anos. E não saia de lá sem provar os ovos cozidos servidos das mais diversas maneiras (com presunto, salmão e até garganta de porco!), e que dão um gostinho autêntico na hora da degustação de vinhos.
3 Rue Froment, 75011

Author Giovanna

Blogueira no portal do Estadão e jornalista formada pela Sorbonne, Giovanna se mudou de vez para Paris em 2014, desde então ela percorre a Cidade Luz dia e noite com a sua Nikon pendurada no pescoço e um bloquinho de notas na bolsa.

More posts by Giovanna

Leave a Reply